Skip to content

NIGHTSHADE: Os werewolves reinvindicam seu espaço

27/11/2010

Calla Tor sempre soube seu destino: Depois de se formar na Mountain School, ela será a companheira do sexy Lobo Alfa Ren Laroche. E lutar com ele lado a lado, governando sua alcatéia e vigiando os locais sagrados para os Guardiões. Mas quando ela viola as leis de seus mestres ao salvar um lindo garoto humano, Calla começa a questionar seu destino, sua existência e a essência do mundo que ela conhece. Ao seguir seu coração, ela pode perder tudo, inclusive sua propria vida. O amor proibido vale a pena o sacrificio!?


Nightshade veio pra acabar com todos os meu preconceitos, e eu vou começar contando como eu cheguei a esse livro.

Um belo dia a Jack nos perguntou nos comentarios se alguem sabia alguma coisa sobre esse livro, se ja tinha ele aqui no brasil e talz. Fui pesquisar a respeito pra poder responder a Jack, e me deparo com essa capa MARAVILHOSA e descrição interessantissima. O unico problema era: O livro é sobre werewolves! torci o nariz, mas depois de ter sido tao bem ‘recebida’ pela Andrea que prontamente aceitou dar uma entrevista ao blog, eu resolvi segurar meu preconceito e ver qual era a do livro.

Boy, OOOOOH BOY! AINDA BEM QUE EU FIZ ISSO!

Nightshade superou de longe qualquer expectativa que eu tinha, e fez todas as minhas suposições erradas. É de longe um dos melhores livros YA que ja li – e com certeza é um os melhores do ano.

A Andrea fez um trabalho incrivel pintando o mundo da Calla. E o mais importante, ela retratou brilhantemente todas as emoções da personagem. A história do livro é fortemente ligada nessas emoções, dando a ele um aspecto apaixonado, sombrio e -me atrevo a dizer – sexy [MTO SEXY]*. Como uma werewolf, os instintos da Calla desempenham um enorme papel em sua vida, e da maneira em que a Andrea retrata esse instinto primitivo, traz qualidade a sua personalidade unica. Ao fazer isso, Andrea criou um daqueles livros que te atraem rapidamente e te seguram dentro do romance.

*His hand ran along my back, tracing the length of my braid, sliding beneath my shirt tostroke my skin. I felt like I was drinking sunlight. My fingers moved from his chest to his neck and stroked theline of his jaw. I pressed into him, wanting to know more of the mysteries he pulled so easily from my body.More of this freedom, this wildness.

Nightshade, p. 69

A inclusão da filosofia no enredo fez Nightshade ainda melhor. Qualquer livro que seja capaz de fazer piadas com Nietzche¹ e utilizar o trabalho de Hobbes² como um catalisador pra trama é no minimo brilhante.

¹I forced my gaze back onto Mr. Selby, who gesticulated wildly as he described arguments for and against theexistence of God. He’d started the class out by showing us a bumper sticker that read: “God is dead—Nietzsche; Nietzsche is dead—God.”

Nightshade, p. 51


²“My job, the duty of all the Guardians here, is to protect Haldis Cavern from our enemies. The Searchers.”I stared at the book’s title, a single Latin phrase seared black onto the cover. Bellum omnium contra omnes. I closed my eyes, but I could still see the ebony lettering, as if the brand had been scorched on the inside of myeyelids. The forbidden words echoed in my mind.The war of all against all.

Nightshade, p.58

As emoções que pintam a história da Calla realmente fazem o livro. A narrativa é aspera e organizada, o colocando diretamente dentro da mente da Calla – incerta de seu futuro, mas sem uma escolha ou livre arbítrio de dizer não. O primeiro capitulo do livro te joga direto no seu mundo. Não tem introdução, nem explicações, só conspirações. No inicio parecia algo confuso assustador tentar decifrar quem era quem e o que estava acontecendo, mas eu rapidamente aprendi a amá-lo. A informação é revelada pouco a pouco com o avanço da história, desenterrada pelas situações em que a Calla se encontra.

Cada um de nós tem direito a tudo, e uma vez que todas as coisas são escassas, existe uma constante guerra de todos contra todos (Bellum omnia omnes).

Thomas Hobbes

Me atravo a dizer que Nightshade ja ocupou o lugar que VA deixará vago a partir de dezembro.

Fiquei com o coração partido no final, principalmente por ter escolhido o team stand by, e a Andrea ainda acabou comigo com um final do tipo oO WTFAE?!

Andrea how could you do that to me?! I NEED wolfsbane. And I NEED IT NOOOOOOW

Enfim povo, Nightshade foi uma linda surpresa do inicio ao fim, me mostrou a importancia de não ter pré-conceitos, me ensinou a ser team stand by e fez a Andrea com certeza entrar para o hall dos meu autores preferidos! o/

**Espero que a Record lance logo o livro aqui no Brasil, pra que mais pessoas possam compartilhar esse fantastico mundo comigo!!

Anúncios
6 Comentários leave one →
  1. Jackeline permalink
    28/11/2010 03:46

    Miga, fico feliz que vc tenha gostado do livro. Mas, me diz, como faço pra ler antes de ser lançado no Brasil? Jpa saiu o e-book dele?

    Que bom que minhas fuçadas nas madrugas deu resultado bom pra vc, né? 😉
    Bom domingo a todos, em especial e vc e a Guardiã!

    Bjos e Paz!

  2. Guardiã da Meia Noite permalink
    28/11/2010 14:21

    OMG!!! Estou enlouquecida aqui por esta Saga…ainda mais que vc diz que ocupará o espaço vazio deixado por VA a partir de Dez!!! Como eu confio totalmente em vc e vc me iniciou em todas as séries que eu mais amo ( DH, MB, VA) com certeza quero ler NightShade!!!

    • 28/11/2010 14:30

      Ain…

      Vcs são MTO queridas! *—————*

      Tenho uma outra série MARA pra vcs 2, Ela ja tem ate aqui no blog, mas eu nao tinha terminado de ler e…bom, mais tarde tem post sobre ela e vcs verão! 😉

      Quanto a Nightshade, eu li em ingles. E pelo que sei, não tem ninguem traduzindo ainda… #sosad

      • Guardiã da Meia Noite permalink
        28/11/2010 20:25

        Você podia traduzir né??? #angelface

        o que vc acha Jaque???

        • 28/11/2010 20:55

          S. Como tradutora eu sou uma otima artesã! UEUEHEUEHUEEHUHEUEHEU

Trackbacks

  1. A Capa de Bloodrose – Nightshade | Queria ser Vampira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: